Imprimir esta página
Segunda, 11 Agosto 2014 00:00

Luxa aponta evolução e volta a defender 'jogo feio' enquanto Fla estiver na 'confusão' Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Vanderlei Luxemburgo avisara durante a semana que não teria vergonha de jogar feio para levar o Flamengo à vitória sobre o Sport, no Maracanã. Não teve mesmo, e deu certo, graças à cabeçada de Eduardo da Silva aos 39 minutos do segundo tempo, que selou a vitória por 1 a 0.


Após a partida, o treinador apontou a evolução da equipe desde a estreia, com vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo, até a tarde deste domingo, passando pela derrota, também por 1 a 0, para a Chapecoense, no último final de semana. Mas reconheceu que a parte técnica ainda está longe do ideal.

"Mesmo contra a Chapecoense tivemos uma característica de equipe. Não existe resolver nada sozinho, tem que resolver como equipe, mesmo que nós não sejamos a melhor equipe do campeonato. Mas até as melhores equipes têm problemas, o Fluminense teve ontem contra o Coritiba. A evolução da equipe está caminhando bem, mesmo que a parte ainda esteja deixando a desejar um pouco", analisou.

Para o treinador, o principal motivo para o excesso de erros é a pressão pela situação complicada na tabela. Com a vitória desta tarde, o Flamengo ganhou duas posições, mas segue na zona de rebaixamento, em 18º. Luxa acredita que o time melhorará tão logo consiga estabelecer-se em uma situação mais "confortável".

"Eu quero tirar a gente da confusão e passar para outo clube. Quando vocês (imprensa) começarem a falar de outro clube e não da gente, pode ter certeza que o rendimento vai aparecer. Temos jogadores jovens, que ficam com receio de ficar com a bola nesse momento. Ela queima, ela machuca, então erra-se bastante. Quando a gente estiver em uma situação mais confortável, pode ter certeza que a parte técnica vai aflorar. Por enquanto, fica o jogo feio mesmo", afirmou.

Luxa, por fim, exaltou a tranquilidade que a vitória passa ao ambiente do clube, e revelou como orientou seus jogadores a comemorar o resultado.

"A vitória deixa o ambiente mais tranquilo, apesar de estarmos com tranquilidade no CT. Falei para os jogadores tomarem um vinhozinho, namorarem um pouco, encontrarem os filhos, e voltarem segunda para se preparar para um jogo decisivo", concluiu.

O "jogo decisivo" em questão é contra o Coritiba, às 16h (de Brasília) do próximo domingo, no Couto Pereira.

 

 

 

 

 

Fonte: ESPN

Lido 2600 vezes Última modificação em Domingo, 23 Novembro 2014 03:27
Thales Menezes

Mais recentes de Thales Menezes