Imprimir esta página
Quinta, 26 Março 2015 00:00

Unimed não paga Fred desde a Copa. Dívida supera R$ 12 milhões Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

O clima está tenso entre a ex-parceira do Fluminense, Unimed-Rio, e alguns jogadores. Fred não recebe um tostão da cooperativa desde antes da Copa do Mundo.

 

Atualmente, a dívida com o atacante já ultrapassa R$ 12 milhões. Não há perspectiva para pagá-lo no curto prazo. Walter é outro que não recebe há seis meses. Nesta quarta-feira, a Agência Nacional de Saúde (ANS) nomeou um diretor para "acompanhar" a situação financeira da cooperativa.

Gilberto Gomes vai exercer a função de "diretor fiscal". Agência e Unimed dizem que não se trata de intervenção. Em nota, a ANS explica que a medida foi tomada em caráter especial e que o diretor terá a função de "acompanhar, avaliar e orientar" a situação financeira da operadora, mas que a decisão sobre os pagamentos é de responsabilidade da cooperativa.

 

O fato é que entre fornecedores, credores, hospitais, suprimentos para cirurgias e outras atividades médicas, a cooperativa terá de retardar os pagamentos aos jogadores. Não é a prioridade médica, razão de existir da operadora de plano de saúde.

 

'Caso Fred' em negociação

 

Sobre os atrasados dos jogadores, o superintendente de Marketing da Unimed-Rio, Luiz Perez, disse que "as situações estão sendo resolvidas de acordo com a previsão contratual de cada um. O caso Fred está em negociação. Enquanto não forem acertadas as bases, os pagamentos estão suspensos. A maioria dos contratos já foi rescindida".

 

Entre os jogadores que realmente receberam da cooperativa estão Conca, que deixou o clube, e Diego Cavalieri, que renovou com o Fluminense e foi quitado pela empresa.

 

Celso Barros, como já publicado pelo ESPN.com.br. é o presidente da cooperativa até 2018. Mas desde o final do ano passado, existe um novo executivo no comando, o médico Augusto Luiz de Almeida Cardoso por quem tem passado as principais decisões administrativas-financeiras da empresa.

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: ESPN                                       /Foto: Getty

Lido 2349 vezes
Thales Menezes

Mais recentes de Thales Menezes