Noite de domingo foi de sentimentos bem diferentes em um Castelão que recebeu cerca de 60 mil torcedores. O Fortaleza caiu pela quarta vez em cinco anos diante do seu torcedor nas quartas de final da Série C, aumentando sua sina na Terceirona. Já o Juventude, que caiu para a Terceira Divisão junto com o Tricolor em 2009, fez história ao empatar em 1 a 1 com o Leão do Pici, retornando à Segundona.

Tal resultado garantiu o acesso do Papo graças ao gol marcado fora de casa, já que o jogo da ida, em Caxias do Sul, terminou sem gols. Após o Oeste em 2012, o Macaé em 2014 e o Brasil de Pelotas em 2015, foi a vez do Juventude ser o algoz tricolor.

Foram sete anos na Terceirona para o Fortaleza. Além dos já citados anos, o Leão não avançou às quartas de final nas edições da Série C de 2010 e 2013 por tropeços na última rodada da fase de classificação e, apenas em 2011, chegou à rodada final sem chance de classificação.

Já o Juventude vive uma temporada especial. O time foi vice-campeão gaúcho superando o Grêmio na semifinal, realizando sua melhor campanha em oito anos. Já na Copa do Brasil, o Papo eliminou dois times da Série A, Coritiba e São Paulo, e um da Série B, o Paysandu, para se garantir nas quartas de final. O jogo da volta contra o Atlético-MG, que venceu na ida por 1 a 0, será no próximo dia 19 e em Caxias do Sul.

NADA DE GOLS NO PRIMEIRO TEMPO

O Fortaleza que tentava controlar a nítida ansiedade teve a iniciativa no Castelão, buscando trabalhar a bola em seu campo de ataque e pressionando o Juventude. Mas ta ansiedade prejudicava o Tricolor. Diante de um bem postado Juventude, o Leão do Pici mostrava dificuldade para transpor a marcação rival. Eis que aos 19 minutos, Rodrigo Andrade conseguiu se desvencilhar da marcação e serviu Anselmo, que finalizou para a ótima intervenção de Elias.

O Juventude que teve como primeiro objetivo conter o ímpeto tricolor, foi ganhando terreno com o passar dos minutos e passou a ter mais posse de bola. Aos 32, Felipe Lima recebeu de Roberson e bateu com perigo. Pouco depois, Hugo fez Ricardo Berna trabalhar. O Fortaleza, sem inspiração, viu a equipe de Caxias do Sul ser mais eficaz em suas investidas no primeiro tempo.

JUVENTUDE ABRE O PLACAR, PIO EMPATE E O ACESSO É DO PAPO

Veio o segundo tempo e, logo aos dois minutos, o Juventude comprovou o fato de ter tido uma atuação superior na etapa inicial. Cruzamento da esquerda, falha da marcação e tricolor e cabeçada indefensável de Hugo. Papo 1 a 0 e silêncio no Castelão. Gol que aumentou a já imensa ansiedade no Fortaleza, enquanto a equipe gaúcha tinha mais tranquilidade para trabalhar a bola.

O técnico Hemerson Maria, que já havia trocado Sobralense por Leandro Lima, apostou nas entradas de Pio e Juninho. Tentativas de garantir mais força ao Tricolor. E as mudanças surtiram efeito. Já tinha torcedor do Leão deixando o Castelão aos 21 minutos. Eis que Pio deixou tudo igual em cobrança de falta. Fé renovado para o Fortaleza e Castelão pulsando.

Péricles Bassols vinha com uma boa arbitragem até tomar uma decisão polêmica. Juliano tentava pegar a bola das mãos de Pará para cobrar a falta, Pará jogou a bola no atleta tricolor e ainda acertou o braço na boca de Juliano, que ficou sangrando. Péricles optou por expulsar ambos.

A tensão aumentou no Castelão. Roberson teve a chance de colocar o Juventude na frente novamente, mas, cara a cara com Berna, errou a conclusão. Pouco depois, Pio cobrou falta, mas não repetiu o feito de antes, obrigando Elias e boa defesa. Os minutos finais foram de boas investidas pelo Leão. Investidas que não tiveram êxito. Sobrou tensão e, ao apito final de Péricles Bassols, a vaga foi do Juventude. A sina tricolor continua.

Lance!

Segunda, 10 Outubro 2016 00:00

Crato e Guarani não saem do empate na Fares Lopes

Escrito por

Sem gols. Foi assim o primeiro jogo semifinal entre Crato e Guarani de Juazeiro pela vaga na final da Taça Fares Lopes. A partida foi disputada nesse domingo (9) no estádio Mirandão .

O jogo foi aberto com as duas equipes procurando o gol desde o início. Por jogar em casa, o time cratense era mais presente no ataque, mas o Guarani também criava boas oportunidades.

Já no segundo tempo, só o Crato atacava. O time prendeu o Guarani de Juazeiro e criou várias chances de abrir o placar. Aos 20 minutos, Davizinho apareceu livre na pequena área, mas tocou por cima do gol. Aos 29, Leilson invadiu a área e chutou forte, mas Léo fez excelente defesa.

Na oportunidade mais clara do jogo, Fábio Lima fez boa jogada pela esquerda e deixou Wesgley livre para marcar, mas o atacante bateu errado e a bola subiu.

Os dois times voltam a se enfrentar nesta quarta-feira, sem vantagem para nenhum lado. Quem vencer se garante na final da Taça Fares Lopes e vai enfrentar o Horizonte. Se der empate (por qualquer placar), a decisão vai acontecer na disputa por pênaltis.

Fonte: Site Miséria

Embalado pelas três vitórias consecutivas desde a troca do técnico Dunga por Tite, o Brasil pode ser até segundo colocado na próxima edição do ranking da Fifa, que será divulgado no dia 20 de outubro.

Caso derrote a Venezuela, nesta terça-feira, fora de casa, na primeira rodada do segundo turno das eliminatórias da Copa do Mundo-2018, a seleção terá chance de aparecer atrás apenas da Argentina na lista classificatória da entidade.

Para isso, depende de tropeços de outras duas seleções na terça. A Alemanha não pode vencer a Irlanda do Norte, em Hannover, e a Colômbia não pode ir além do empate ante o Uruguai, em Barranquilla.

Caso a combinação de resultados aconteça, o Brasil aparecerá na próxima edição do ranking com 1410 pontos, enquanto alemães e colombianos não passarão de 1409 e 1362 pontos, respectivamente. A Bélgica, atual vice-líder, ficará com 1382.

A única seleção ainda inalcançável para os comandados de Tite é a Argentina. O time de Messi, Di María, Agüero e Higuaín terá de 1621 a 1703 pontos na lista de outubro, dependendo do resultado do seu confronto com o Paraguai, também na terça.

Atual quarto colocado no ranking da Fifa, posto que divide com a Colômbia, com 1323 pontos, o Brasil chegou a ser 22º em 2013, quando ocupou sua pior classificação na história. Desde então, vem recuperando espaço e galgando posições na lista.

Contratado para o lugar de Dunga, demitido após o fracasso na Copa América, em junho, Tite estreou na seleção na nona colocação do ranking.

O ex-comandante do Corinthians venceu seus três primeiros jogos pelo Brasil, sempre com atuações convincentes: 3 a 0 sobre o Equador, fora, e 2 a 1 contra a Colômbia, além da goleada por 5 a 0 ante a Bolívia, em casa.

Nesta terça, contra a Venezuela e desfalcado de Neymar, suspenso, pode virar a seleção número 2 do planeta e também assumir a liderança das eliminatórias sul-americanas. Com 18 pontos ganhos, está apenas um atrás do Uruguai.

Fonte: Blog do Rafael Reis/UOL

A conexão de Neymar com o Barcelona é clara e fica ainda mais evidente após a notícia de que, para renovar com os catalães, o craque dispensou propostas de quatro gigantes do futebol europeu: Real Madrid, Paris Saint-Germain, Manchester United e Manchester City, todos dispostos a pagar os £190 milhões da multa rescisória.

Segundo o jornal Mundo Deportivo, a maior oferta veio da equipe francesa: € 40 milhões anuais livres de impostos por cinco temporadas mais € 40 milhões de luvas.

Além disso, o presidente do clube, xeque Nasser Al Khelaifi, daria ao jogador 30% das ações de um hotel que construiria no Brasil, além de mais £3 milhões ao Instituto Neymar, em Praia Grande, no litoral paulista.

Fonte: Estadão Conteúdo

Segunda, 10 Outubro 2016 00:00

Modesto garante Dorival Júnior para 2017

Escrito por

O presidente Modesto Roma Júnior negou ter recebido uma carta de conselheiro do clube pedindo a saída de Dorival Júnior e a contratação de Vanderlei Luxemburgo para o ano que vem.

“Eu não recebi informação de pedido, de troca, nada disso, não sei quem é esse conselheiro”, disse o mandatário em entrevista ao programa Domingo Esportivo, da Rádio Bandeirantes.

Modesto garantiu ainda continuidade de Dorival em 2017. “Estou muito satisfeito com o Dorival . Independente de ser Vanderlei, Roger, Mano, Otto Glória ou Aymoré Moreyra, o técnico do Santos é Dorival Silvestre Júnior”.

O presidente alvinegro esclareceu também que Marcelo Fernandes não vai mais trabalhar com o treinador, que foi um pedido pessoal. “O Dorival não quer trabalhar com o Marcelo na comissão técnica principal. Ele expôs os motivos dele e eu respeito porque ele é o chefe da comissão técnica do futebol profissional, mas o Marcelo é funcionário do Santos e vai continuar trabalhando em outros setores”, garantiu.

Vela lembrar que Fernandes foi campeão paulista com o time da Vila Belmiro, depois foi ser auxiliar com a chegada de Dorival no comando.

Modesto Roma Júnior ainda defendeu o América-MG, que vai atuar em Londrina contra o Palmeiras na tarde deste domingo. "Acho que os clubes tem direito de vender seus jogos. A regra é igual pra todo mundo”, ressaltou.

“Se o Flamengo, Fluminense podem jogar porque não tem estádio no Rio de Janeiro, o América pode vender seu jogo para onde quiser . Não entendo esse chororô que vai facilitar para o Palmeiras” . Modesto destacou que no primeiro turno o Santos enfrentou o Flamengo na Arena Pantanal, com o mando de campo do time paulista e a partida terminou empatada por 0 a 0.

O presidente do Peixe explicou que a negociação para a transferência do jogo foi feita em 2015 e coube a empresa contratante determinar a partida.

“Nós tínhamos vendido em 2015 quando estávamos naquela pindaíba toda. Nós recebemos o clube absolutamente endividado. Nós vendemos alguns jogos para Rio Preto, São José dos Campos, Pacaembu e ficamos devendo dois jogos e os parceiros sempre entenderam que aquele momento não podia jogar e mudamos para esse ano e jogamos contra o Flamengo, em Cuiabá. Entendíamos que tínhamos time para enfrentar o Flamengo em Cuiabá ou aonde for. O Santos não pode ter medo de jogar fora da Vila Belmiro. Tem que jogar no Pacaembu, Allianz Parque ou em qualquer lugar com a mesma força que tem na Vila”.

Fonte: BAND Esportes

O Fortaleza realizou nesta quinta-feira o último treino no Pici antes da viagem para Porto Alegre. O Tricolor do Pici encontra o Juventude nesta segunda-feira (3), no Alfredo Jaconi, às 19h15, no primeiro duelo válido pelas quartas de final da Série C do Brasileiro. Depois, segue para a cidade de Caxias do Sul, onde será o confronto. O treino desta quinta, assim como o da última quarta-feira, foi secreto, sem a presença de torcedor ou imprensa. 

O Fortaleza tem todos os atletas titulares à disposição. Hemerson Maria deve escalar a equipe da seguinte forma, com: Ricardo Berna; Felipe, Lima, Edimar e Wilian Simões; Juliano, Corrêa, Rodrigo Andrade e Everton, Anselmo e Daniel Sobralense. Dessa forma, em relação ao time que enfrentou o Internacional na Copa do Brasil no Castelão, somente Juninho retorna ao posto de reserva do Leão do Pici. 

O primeiro jogo será na segunda-feira. A partida de volta é no dia 9, no Castelão, às 19 horas, quando definirá quem classifica para Série B do Brasileiro. 

FONTE: GLOBOESPORTE.COM/CE

A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) anunciou nesta quinta-feira (29) que a mudança na estrutura da Copa Libertadores tornará a Copa do Brasil mais curta.

Em entrevista coletiva no Rio de Janeiro, Manoel Flores, o diretor de competições da entidade, afirmou que a competição será realizada em menos semanas, mas que manterá o mesmo número de datas do formato atual. No entanto, não deu exatidão aos dados.

"Ainda estamos vendo, estudando. Vamos mexer o mínimo possível para o calendário de 2017. Manter as premissas do comitê de reformas sobre o calendário: férias, pré-temporada, eliminatórias", declarou o Flores.

Com o aumento do número de times da Libertadores, o dirigente também disse que é possível que o Campeonato Brasileiro passe a ter um G5 classificatório à competição continental, dependendo apenas de uma confirmação em uma reunião do Comitê Executivo da Conmebol do próximo domingo (2). O encontro é o entrave para divulgação de uma revisão do calendário do futebol brasileiro em 2017, que havia sido divulgado no último dia 6 de julho.

"Se essa vaga ocorrer, seria o G5, sim. Não será um convite, mas uma decisão técnica. A Conmebol fez questão de deixar isso claro, seria uma vaga para a principal competição nacional. No nosso caso, o Campeonato Brasileiro", afirmou o dirigente.

"Esperamos divulgar o novo calendário o quanto antes. Aguardamos a deliberação de Bogotá, no próximo domingo [reunião do Comitê Executivo da Conmebol], e, a partir daí, divulgaremos as coisas. Expectativa é que isso ocorra já na semana que vem", completou.

Outra mudança será a possível participação simultânea de um clube na Copa do Brasil e na Copa Sul-Americana, algo incompatível com o atual formato das competições. Manoel Flores explicou que uma das maiores reclamações dos times brasileiros era a necessidade de optar por um ou outro torneio, fato que será alterado: "isso deixa de existir. A Copa do Brasil será adequada."

Manoel Flores esclareceu que a CBF esteve envolvida no processo de decisão do novo formato de Libertadores e que a entidade está "100% alinhada ao projeto" da Conmebol e outras federações envolvidas, inclusive enxergando a mudança com bons olhos do ponto de vista técnico e financeiro. A confederação enxerga que a "Nova Libertadores" poderá trazer maior retorno em ambas as áreas. 

 

Fonte:estadao

A reunião que definirá quem ficará com as quatro vagas novas da Libertadores será domingo em Bogotá, mas é possível cravar uma informação: o Brasil já tem o sexto representante. A discussão sobre as demais federações a ganharem vagas é extensa e haverá disputa política. Mas não é viável aumentar quatro representantes do continente sem dar pelo menos mais um lugar para o Brasil.

O diretor de competições da CBF, Manoel Flores, anunciou no final da manhã desta quinta-feira uma decisão importante e correta. A vaga a mais, quando confirmada, será do quinto colocado do Brasileirão. Havia uma discussão sobre a Copa do Brasil ficar com o lugar, mas o correto é a vaga ser do campeonato mais importante do país e isto foi dito pela Confederação Sul-Americana.

Daí que isso muda tudo a partir da rodada deste final de semana do Brasileirão. O Grêmio, oitavo colocado, parecia fora da disputa pela Libertadores e agora está só três pontos atrás do Fluminense, neste momento classificado para o torneio continental. Até o Botafogo e a Chapecoense, cinco pontos abaixo, passam a ter possibilidade, mesmo que remota. A zona da pasmaceira virou zona do agrião, a grande área que decidirá qual o quinto representante do Brasil na Libertadores nova, disputada de fevereiro a novembro, em 2017.

Fonte: Blog do PVC no UOL

Riascos já saiu do Vasco, mas o Vasco não saiu dele. Com uma liminar que o deixa livre do Cruzeiro, o atacante tem demonstrado saudade de São Januário enquanto não define o futuro.

Após obter o documento junto ao TRT-MG (Tribunal Regional de Trabalho), o jogador retornou à Colômbia onde pretende descansar até o fim desta temporada.

Em suas redes sociais, porém, ele não esconde sua preferência pelo time carioca, onde depois de um início difícil, conquistou os torcedores com gols e o estilo irreverente.

Na postagem mais recente, publicou uma foto do título carioca conquistado este ano ao lado de Yago Pikachu, Madson e Luan com a legenda: "Torcendo por vocês, parceiros. Que Deus abençoe vocês".

Numa outra, há um vídeo de uma apresentação teatral em Cancún, no México, onde surge uma caravela com uma cruz parecida com a cruz de malta, símbolo do clube. O colombiano fez a comparação e colocou um emoticon com os olhos de coração (muito usado nas redes sociais para expressar paixão, sentimento...).

Apesar da saudade do Vasco, a tendência é a de que Riascos siga sem clube até o fim do ano mesmo tendo obtido a liberação do Cruzeiro junto a Justiça.

O Vasco era a única possibilidade de clube no Brasil para o jogador, mas o imbróglio na Justiça e o encerramento nas inscrições do Campeonato Brasileiro deixaram a possibilidade em aberto somente para 2017. A reportagem tentou contato com seu empresário, o italiano Mauro Bousquet, mas o agente, que está na Europa, não retornou.

Após Riascos ter deixado o Vasco como artilheiro do time na temporada, o clube teve dificuldades para repor a lacuna até a chegada de Ederson, em julho. O novo atacante tem feito gols e virou titular absoluto.

CRUZEIRO

Riascos move uma ação contra o Cruzeiro na 27ª Vara do Trabalho de Belo Horizonte. Ele pleiteia receber R$ 5,2 milhões e a rescisão unilateral com os mineiros. Apesar da liminar obtida, o processo do jogador segue em curso. Após a ausência na primeira audiência, em 30 de agosto passado, o juiz marcou um novo encontro em maio de 2017.

O Cruzeiro, por sua vez, não confirma, mas recorrerá da decisão do TRT-MG. O clube se espantou com a decisão do magistrado em relação à quebra unilateral do vínculo do jogador.

"Na verdade, ele não obteve a rescisão não. Ele apenas conseguiu uma liminar no TRT [Tribunal Regional do Trabalho] que o permite jogar em qualquer outro clube do Brasil. O Cruzeiro está impressionado com a decisão do TRT e está tentando entender como foi dada esta liminar ao atleta. Na verdade, qualquer decisão judicial cabe recurso. Mas ainda estamos estudando o caso e vamos decidir qual é a melhor maneira de resolver isso", disse Fabiano Oliveira Costa, diretor jurídico do Cruzeiro, ao "UOL Esporte" há duas semanas.

ENTENDA

Riascos e a equipe mineira entraram em rota de colisão no dia 17 de julho, logo depois de derrota do Cruzeiro por 2 a 0 para o Fluminense no Rio. Ao fim do confronto, o atacante se queixou da sua situação no time e fez forte declaração na saída do campo:

"Não está normal, não estou feliz por tudo isso que está acontecendo. Temos que procurar uma solução, não podem tirar minha felicidade para vir jogar nesta m... aqui", disse em entrevista à "Rádio Itatiaia".

Desde então, Riascos foi afastado pelo departamento de futebol do Cruzeiro e sequer retornou a Belo Horizonte, alegando ameaças por parte da torcida. O colombiano seguiu no Rio de Janeiro após o episódio e tentou transferência para o Vasco. Mas acabou retornando à terra natal sob orientação de seu estafe.

Antes da declaração, o Vasco tinha interesse em ter o atacante. Mas o negócio não vingou e ficou paralisado após a briga jurídica do atleta com o Cruzeiro. 

Fonte:noticiasaominuto

Pesquise no site

Amigos online

Temos 38192 visitantes e Nenhum membro online